Itaperuna: policial sobe ao palco com Anderson Freire após vídeo de app...

Itaperuna: policial sobe ao palco com Anderson Freire após vídeo de app viralizar

0 14660

O Sargento Elias Melo participou da apresentação do cantor evangélico Anderson Freire na noite desta segunda-feira (10) em um clube de Itaperuna, no Noroeste Fluminense. Lotado no 29º Batalhão, ele foi convidado pela produção do artista para cantar a música “Raridade” devido à repercussão de um vídeo gravado em um aplicativo em que cantou a mesma música. O dueto virtual viralizou e tem mais de 2,2 milhões de visualizações na página oficial da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro na rede social.

“Foi uma alegria muito grande porque a pretensão do vídeo não era essa. Eu não fiz o vídeo pra ter esse tanto de visualizações, era para abençoar mesmo. Se alguém visse, no meu coração, eu queria que a pessoa fosse abençoada. Eu fiquei muito feliz por poder conhecer pessoalmente uma pessoa que transparece tanta sinceridade quanto as coisas de Deus”, conta o sargento, que recebeu o convite por meio da área de Relações Públicas da Polícia Militar.

Morador de Muriaé (MG), Elias é casado e pai de um menino.  Ele já havia gravado outro vídeo cantando a canção “Mapa do Tesouro”, também de Anderson Freire; segundo o sargento, o vídeo teve mais de 1 milhão de acessos. Com a repercussão, a polícia pediu para que ele gravasse mais um vídeo.

“Me perguntaram se eu poderia fazer um novo vídeo, mandando mais uma mensagem e tal. Aí eu decidi fazer esse dueto através do aplicativo. Uma música com letra muito forte, que toca a alma mesmo. Lancei e falei ‘vamos ver se abençoa a vida de alguém’”.

“Foi muito interessante a sensação, era algo real. Foi muito forte. Posso dizer que senti verdadeiramente a presença de Deus na hora que eu estava cantando aquele hino. Foi uma coisa que veio de dentro, da alma mesmo, para poder passar para as pessoas uma mensagem, algo que pudesse agradar, alegrar o coração delas num momento de tristeza, ou para baixo, ou menosprezadas. Mesmo sabendo que era virtual, me senti como se fosse algo verdadeiramente real”, disse o sargento, que por momentos chega a limpar os olhos, marejados por causa da emoção de cantar a música.

Repercussão

O vídeo foi postado na página da Polícia Militar em 14 de maio e já conta com 46 mil reações, mais de 74 mil compartilhamentos e 6,4 mil comentários. Os comentários são, na maioria, positivos quando a performance vocal da dupla.

“Iluminaram minha manhã! Preciosos. Obrigado, Deus”, disse uma mulher, enquanto outros comentam “de arrepiar”. Elias chegou até a ser chamado de “policial iluminado” em um dos comentários mais curtidos da postagem.

Música

O sargento deixa claro que só canta na igreja, pois foi lá que surgiu o interesse pela música. Sem aulas, ele sempre gostou de cantar e, quando mais novo, brincava de imitar cantores famosos.

“Devido a uma situação que aconteceu na minha vida, eu acabei indo para a presença de Deus e, em uma igreja evangélica, tive oportunidade de cantar para Deus. Sempre tive isso no meu coração. Lá, tive oportunidade de participar do ministério de louvor”, diz Elias, que encontra na família o incentivo para continuar cantando. “Os melhores incentivadores da gente são nossos familiares”.

G1 Norte Fluminense

Imagem: reprodução da Internet | arquivo pessoal

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um Comentário