Especialistas apontam vantagens na aquisição de consórcios de veículos

Especialistas apontam vantagens na aquisição de consórcios de veículos

1 1376
Segundo Vinícius Basile, gerente administrativo do Consórcio Realize, o valor da carta de crédito é uma excelente oportunidade de o consumidor ter em mãos, poder de negociação

O consórcio é um investimento que vem crescendo fortemente, mesmo diante do cenário da crise brasileira, e os números, além de confirmar o crescimento, apontam um cenário com boas alternativas para o consumidor.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC), o primeiro trimestre do setor em 2017, registrou um aumento de quase 5% dos negócios. Foram movimentados mais de R$ 20 milhões nesse período, um aumento de 20% em comparação com o mesmo período do ano passado.

E no que diz respeito a consórcios de veículos, a procura tem sido percebida pelo segmento, que está confiante na tendência do mercado. Especialistas apontam inúmeras vantagens para o consumidor que deseja investir em consórcios de veículos, dentre elas, o crédito – flexível e acessível – que não possui as altas taxas de juros praticadas por instituições bancárias e afins. Para muitos, uma espécie de ‘poupança programada’, onde o consumidor tem opções que cabem perfeitamente no seu bolso.

Segundo Vinícius Basile, gerente administrativo do Consórcio Realize, o valor da carta de crédito é uma excelente oportunidade de o consumidor ter em mãos, poder de negociação. “A carta de crédito é um trunfo conferido ao cliente, que poderá negociar a aquisição do veículo pretendido com o valor total do bem, em mãos, ou seja, mais poder na hora da negociação”, reforça.

Outra vantagem apontada por Vinícius, é que o sistema de consórcios possui legislação específica, assim como a administradora precisa ser autorizada e fiscalizada pelo Banco Central, uma segurança a mais para o consumidor. “Se o cliente não está com pressa em pegar o veículo, ou não possui o valor total do bem, o consórcio é a opção mais indicada, sem dúvida alguma. O cliente também poderá dar um lance, podendo antecipar a contemplação da carta de crédito, caso o valor desse lance seja maior”, complementa o gerente.

COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR

De acordo com Daniel Tinoco, diretor do Consórcio Realize, o comportamento do consumidor é algo que vem sendo analisado pelo setor de consórcios, afinal, em tempos de crise, ‘cautela’ é a palavra da vez. “Hoje os consumidores estão muito mais cautelosos, analisando o valor de taxas e buscando menos burocracia. E, no que diz respeito a questões burocráticas, facilitamos consideravelmente a vida de nossos clientes”, destaca.

Quando questionado sobre planejamento na aquisição de um veículo, através de consórcio, Daniel recomenda uma análise com um especialista. “Consultar um profissional do setor, analisando questões sobre parcelamento, renda, dentre outras, é essencial para que o consumidor tenha uma análise detalhada sobre a aquisição do consórcio. O cliente precisa ter boas informações e alternativas, para que ele adquira o bem desejado, planejando melhor o seu orçamento”, finaliza Daniel.

Outras informações sobre consórcios podem ser obtidas através dos seguintes contatos: (22) 3811-0600 / 3824-6060 / 99794-0847 WhatsApp.

Informação e foto: Eusébio Dornellas | Agência Comuniqque – www.comuniqque.com

1 COMENTÁRIO

Deixe um Comentário