No Madureira, itaperunense Zambi revela desejo se realizando

No Madureira, itaperunense Zambi revela desejo se realizando

No concorrido setor ofensivo do Madureira estará Zambi, atacante de 30 anos, de larga experiência no Rio de Janeiro, mas marinheiro de primeira viagem no Tricolor Suburbano.

A pré-temporada ainda está em fase inicial, mas o jogador não tem receio em fazer uma afirmação: a equipe da Zona Norte é a principal força entre os times de menor investimento, a chamada “quinta força”, atrás apenas dos grandes. A admiração pelo clube é tamanha, que ele diz estar realizando um desejo antigo.

– Convite bom, o Madureira é a quinta força do Carioca. Sempre quis jogar no Madureira. Sempre fui adversário e sempre quis jogar no Madureira. Pra mim vai ser muito vantajoso. O convite veio e pude acertar aí pra jogar no clube – disse um realizado Zambi ao site oficial do Madura.

Apesar de atuar normalmente pelos lados do campo, Zambi evita se limitar a apenas uma função. Num grupo com tantas opções, é preciso se colocar à disposição para as mais variadas oportunidades, conforme explica.

– Sou atacante de beirada. Ultimamente tenho jogado também pelo meio. Sou um atacante rápido, driblador, também gosto de fazer meus golzinhos e espero ajudar bastante o Madureira nessa caminhada aí no Carioca – disse o jogador, que ainda ressaltou a disputa por vaga entre os titulares, que promete ser intensa.

– Léo Lima, Souza, Júlio César, onde passaram, conquistaram títulos, então a experiência deles com a mescla de jogadores novos, como o Douglas Lima, William e Rezende, vai ser bom. O próprio (Geovane) Maranhão também já sabe jogar esse tipo de campeonato. Perspectiva de jogar com eles vai ser boa – projetou.

O Madureira estreia no Estadual em 17 ou 18 de janeiro, contra a equipe que avançar na segunda colocação da Seletiva.

FutRio

Foto: André Soares (MEC)

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um Comentário