Há quase 10 anos, Itaperuna acompanha a obra interminável da ponte que...

Há quase 10 anos, Itaperuna acompanha a obra interminável da ponte que já custou R$ 14 milhões

3 948
Fotos: Itaperuna News | 05.01.18

Salvo devidas às proporções, estádio de futebol com capacidade para 14 mil pessoas, custou R$ 8,5 milhões

 

EDITORIAL

Em Itaperuna, RJ, já se passaram quase 10 anos e a ponte que deveria ligar os bairros Aeroporto/Frigorífico continua do mesmo jeito em que o Itaperuna News mostrou no ano passado, através do editorial “Ponte que já custou R$ 14 milhões liga nada a lugar nenhum”, ou seja, interminável.

CLIQUE NO LINK ABAIXO E VEJA O VÍDEO PRODUZIDO EM 05/01/2018!

No início do ano de 2017, uma equipe da TV Record também esteve na cidade abordando o assunto.

CLIQUE NO LINK ABAIXO E REVEJA A MATÉRIA DA RECORD!

TV RECORD PRODUZ MATÉRIA SOBRE PONTE INACABADA QUE JÁ CUSTOU R$ 14 MILHÕES

A ponte que deveria ligar os bairros Aeroporto/Frigorífico começou a ser sonhada e planejada em janeiro de 2009, época em que um dos primeiros passos foi a definição da posição da ponte. Prevista para ter 217,50 metros de comprimento por 13,30 metros de largura, já foram investidos cerca de R$ 14 milhões.

Nos últimos 9 anos, foram inúmeras as notícias em torno da ponte inacabada, instalada no meio do Rio Muriaé. Encontros e desencontros nas informações, que se multiplicavam em meio a desculpas que sucederam a meia dúzia de personagens, envolvendo prefeitos, vice-prefeitos, secretários, governador e ex-governador, deputados, ministros e até mesmo vereadores, todos na esperança de serem ‘o pai da criança’, do ‘filho’ que não chegou a nascer.

No início da obra, a responsabilidade da construção dos acessos seria por conta da Prefeitura de Itaperuna. Alguns anos depois, a administração municipal alegou que não teria recursos para a construção dos respectivos acessos e, sendo assim, o Governo do Estado do Rio de Janeiro assumiu também a construção dos acessos.

CURIOSIDADE

Estádio em Muriaé, MG, custou bem menos do que ponte inacabada em Itaperuna

Imagem: reprodução | Rádio Muriaé

Parece absurda a comparação, entre um estádio de futebol e uma ponte, mas, faz-se necessária para que a sociedade tenha noção exata dos valores investidos em obras, que deveriam beneficiar a população.

Segundo o jornal ‘Hoje em Dia – Belo Horizonte’, em matéria publicada em junho de 2016, o Estádio Soares Azevedo, em Muriaé, MG (município localizado a 60 km de Itaperuna), custou cerca de R$ 8,5 milhões.

Veja o trecho da matéria!

“Esse definitivamente não está entre os maiores do país. É apenas o 9º maior estádio de Minas Gerais. Mas, o recém-construído campo do Nacional de Muriaé, na Zona da Mata, tem uma particularidade que chamou atenção de todo o país: o baixíssimo custo em relação a outras arenas. Os construtores afirmam que o estádio para 14 mil espectadores custou ‘apenas’ R$ 8,5 milhões”, revelou o jornal.

O valor da ponte inacabada em Itaperuna custou quase duas vezes o valor do estádio de futebol em Muriaé, este, concluído e está em plena atividade, inclusive, recebendo grandes clubes do futebol brasileiro. Salvo os devidos parâmetros técnicos de cada obra, avaliados por profissionais da área, obviamente, fica a reflexão no mínimo, curiosa, sobre obras tão distintas e com valores, aos olhos de leigos, tão díspares.

MENINOS DA REDE

Os ‘Meninos da Rede’, jovens que se posicionaram sobre diversas questões envolvendo o município de Itaperuna, também abordaram o assunto ‘ponte inacabada’.

CLIQUE NO LINK ABAIXO E CONFIRA O VÍDEO!

ESPERANÇA E EMPENHO DA ATUAL GESTÃO MUNICIPAL

Parece que o problema gigante está prestes a ser solucionado. Não há como negar que a atual administração municipal tem se empenhado e se esforçado para retomar a construção da ponte.

Inclusive, no Programa de Governo da atual administração, consta a conclusão da referida ponte. E, em 2017 quando uma comitiva formada pelo prefeito Dr. Marcos Vinícius de Oliveira Pinto, vereadores e secretários esteve em Brasília, o assunto “ponte inacabada” era uma das principais pautas da agenda. Naquela oportunidade, o próprio prefeito anunciou a conquista de R$ 12 milhões para Itaperuna.

CLIQUE NO LINK ABAIXO E VEJA O ANÚNCIO DA CONQUISTA DE R$ 12 MILHÕES PARA ITAPERUNA!

CLIQUE NO LINK ABAIXO E VEJA O ANÚNCIO DA RETOMADA DA CONSTRUÇÃO!

No mês de outubro de 2017, em primeira mão no Programa Nino Bellieny, foi divulgada a retomada das obras da ponte, através da jornalista Bianca Marques, assessora de comunicação da Prefeitura de Itaperuna.

Fica a torcida de todos os itaperunenses para que parte dos R$ 12 milhões conquistados, seja utilizado na conclusão da ponte. E, resta-nos parabenizar a atual administração municipal por todo trabalho e dedicação realizados na busca pela conclusão da obra, que sem dúvida alguma, será de suma importância para o município.

E, quem sabe, no próximo janeiro, ao invés de contabilizarmos 10 anos da ponte inacabada, possamos celebrar a inauguração da ponte Aeroporto/Frigorífico. Parabéns ao prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores pela dedicação e, boa sorte! Itaperuna conta com o trabalho e esforço de todos vocês!!!

3 COMENTÁRIOS

  1. É muito triste e vergonhosa esta situação em nossa cidade, o que realmente aconteceu, aonde estão os Órgãos fiscalizadores para dar uma resposta e colocar um fim nesta situação!!!!Itaperuna merece ser respeitada!!!! e Cuidada!

Deixe um Comentário