Policial de Itaperuna morre baleado após confronto com bandidos em Macaé

Policial de Itaperuna morre baleado após confronto com bandidos em Macaé

Um cabo do Grupamento de Ações Táticas (GAT) da Polícia Militar foi baleado agora pouco no Lagomar, em Macaé, durante um confronto entre a PM e quadrilhas rivais que tentam tomar o comando do tráfico de drogas na comunidade.

O militar teria levado dois tiros na cabeça, enquanto estava entrando na restinga da comunidade a procura de traficantes.

O cabo foi identificado como José Renê Araújo Barros. Ele era lotado no 32º BPM (Macaé), tinha 35 anos, oito anos na Corporação e deixa esposa e três filhos. Ainda não há informações sobre o sepultamento.

A Prefeitura de Macaé informou que recebeu um pedido da Polícia Militar para que todas as escolas municipais localizadas no Lagomar fossem fechadas nesta terça-feira.

Segundo o município, mesmo em período de recesso escolar, as secretarias das escolas funcionam com atendimento para matrícula.

A assessoria de comunicação da Polícia Militar do Rio de Janeiro enviou uma nota onde afirma que “é com profundo pesar que informa o falecimento do cabo José Renê Araújo Barros”.

A nota diz ainda que o militar “estava em uma operação para reprimir ações criminosas de facções rivais pela disputa de ponto de drogas na Comunidade Lagomar, em Macaé. O policial foi ferido e infelizmente não resistiu, falecendo enquanto era socorrido para a unidade de saúde mais próxima”.

G1 e Macaé 24h

1 COMENTÁRIO

Deixe um Comentário