Tite fazia a Neymar as mesmas críticas que hoje fazem os estrangeiros

Tite fazia a Neymar as mesmas críticas que hoje fazem os estrangeiros

0 89

Apesar de ter feito um gol e ter dado o passe ao outro, com atuação decisiva no 2 a 0 do Brasil sobre o México (aqui), Neymar foi alvo de várias críticas. Após a partida, o colombiano Juan Carlos Osorio, treinador da seleção mexicana, chamou de “palhaçada” a reação espalhafatosa do craque brasileiro, ao ter o tornozelo deslealmente pisado pelo lateral-direiro Miguel Layún. E disse que aquilo era “mau exemplo para as crianças”.

Grandes nomes do passado também questionaram severamente a atitude do camisa 10 do Brasil. Ex-goleiro de destaque da seleção da Dinamarca e do Manchester United, Peter Schmeichel disse sobre o episódio:

— Não consigo achar outra maneira de descrever que não seja lamentável. Parecia que ele (Neymar) estava morrendo. Pensei que ele seria colocado numa maca, então numa ambulância, e nunca mais o veríamos de novo. Você já viu (Cristiano) Ronaldo fazer isso? Ele aprendeu quando era novo. Você vê Messi e Harry Kane fazendo isso? Gianni Infantino (presidente da Fifa) estava no estádio, eles têm de olhar para isso. É preciso que os árbitros deem uma advertência a ele na primeira vez que fizer isso, e depois o expulsem. Só assim ele vai aprender.

Outros grandes jogadores do passado, os ex-atacantes da Inglaterra Alan Shearer e Gary Lineker, também se manifestaram nas redes socias:

— Pelo amor de Deus, Neymar. Pare. Estamos cansados disso — disse Shearer

— Neymar joga tão bem quanto se joga em campo. É um jogador incrivelmente bom — ironizou Lineker.

Lineker também foi bastante questionado hoje nas redes sociais, por não ter criticado as simulações dos jogadores do seu país no empate de 1 a 1 contra a Colômbia, quando a Inglaterra conseguiu na disputa de pênaltis a última vaga às quartas de final. Mas tentou manter a ironia:

— Eu nunca disse que eles (os jogadores ingleses) eram diferentes. Mas Neymar é o melhor.

O fato é que, após sua primeira atuação na Copa à altura das expectativas e diante do ataque de estrangeiros, o torcedor brasileiro partiu em defesa de Neymar. Contaminadas pelo maniqueísmo da política brasileira, algumas reações, no entanto, foram tão canastronas quanto os rolamentos do atacante:

— O VAR “erra”sistematicamente contra a seleção (brasileira). Mas o pior acabou sendo um pisão de Layún no tornozelo de Neymar com o jogo parado, na beira do campo. Nesse caso o VAR também não serviu para a expulsão do agressor. O imperialismo, no entanto, já está empenhado em falsificar a realidade contra o time brasileiro, que está cada vez mais perto de mais um título — publicou aqui o Diário da Causa Operária.

Em sentido contrário, um vídeo viralizarou hoje nas redes sociais do país. Nele, em 2012, então técnico do Corinthians, que acabara de perder de 3 a 2 para o Santos pelo Brasileirão, Tite teceu críticas a Neymar muito parecidos com as do treinador do México, inclusive no tal “mau exemplo para as crianças”.

Folha1 (Aluysio Abreu Barbosa)

Foto: Mike Hewitt – FIFA/Getty Images

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um Comentário